Olá bem bem vindo ao aAconteceu depois dos 14!

Siga-nos nas redes sociais.

¡Suscríbete a nuestro blog!

Recibe en tu correo las últimas noticias del blog. Sólo ingresa tu correo para suscribirte.

Anuncie

17 de ago de 2011

Aconteceu aos14 e meio

Aconteceu depois dos 14...
Eu era uma pessoa pouco popular, porém muito sociável, então tinha alguns amigos, participava de algumas rodas, porém não sabia o que era amar...
Apaixonar-me era comum, apesar de que nunca fui o tipo de garota que se apaixonava pelo garoto mais bonito da escola, porém, tinha lá minhas paixonites agudas.
Até que em um dia, nem belo nem agradável, senti alguma coisa me apertando, verifiquei o sutiã, mais não era ele, foi quando você apareceu na minha frente e fingiu que não me viu, ai veio aquele solavanco como se eu fosse ter um infarto e meu coração batia tão forte que parecia que eu estava tendo um ataque epilético...
Foi nesse momento que eu deixei as emoções fluírem, tentei me acalmar, e percebi que aquela loucura toda fazia parte de um sentimento, algo que eu nunca havia sentido antes, eu não sabia o que era, mais acontecia sempre que eu pensava em você.
Tá, essa parafernalha toda aconteceu em fração de segundos, porque você passou, fingiu que não me viu, depois voltou sorrindo pra falar comigo, palhaço como sempre, e eu tonta como sempre ao seu lado, ri idiotamente como se você fosse o bozo da minha vida... (que infortunia¬¬)
Com o tempo eu fui estudando meu interior, e não era com o dedo, era com o pensamento, sobre tudo aquilo que sentia.(cara leitora ou leitor você ta cansado de saber do que estou falando né mais esse relato é sobre uma menina lenta não muito moderna na aborrecência tendo sua primeira experiência de paixão avassaladora continue lendo por favor...) 
Foi quando resolvi tomar uma atitude, peguei um livro de poesia, resultado, não entendi bulhufas...tava tudo a mesma coisa até você me pedir um abraço olhar bem no fundo dos meus olhos e me beijar...
Ai sim, sem poesia, sem blábláblá, agora sim eu entendo, eu estou amando, meu Deus, eu estou amando!!!!!!!!!  
Ai acabou a história por enquanto senão vira um livro....
Fato criado por Camila que pode ter acontecido na adolescência chata e monótona de alguém. O fim? Ah, o fim só depende deles, cada fim depende de cada começo e do meio que se torna...


Nenhum comentário:

Postar um comentário

* Gostou do Post ? Por Favor, comente.
* Não precisa de confirmar as postagens com os códigos.
* Dicas, sugestões e críticas sempre são bem-vindas.
* Comente sobre o conteúdo do blog, antes de sair divulgando o seu.
* Palavras ofensivas, ou texto totalmente em caixa alta, não serão publicados, exceto se tiver um conteúdo relevante.
* Agradecemos de coração a sua visita, e iremos visitar seu blog, site, redes sociais também( se vc deixar o link)! Será um prazer.